O Autor

Ancorei o pensamento no edifício cinza que jaz defronte á minha janela, porque se mudaram as árvores onde cantavam pássaros vizinhos. Hoje entoam longínquos, vindos de um paraíso inventado.

"Um texto sobre o Autor" ... Por vezes queria emudecer interminável!

Todos os lugares de refúgio se tornaram um luxo no lixo da minha procrastinação ou destino ...Preciso do inferno de um dia extremo e quente que me leve e me debruce sobre o mar, pois não o procuro pelo merecimento do que amo mas pela inevitabilidade de me exaurir de calor e ele existir perto de mim.

Cruzam-se comigo todos os loucos de fúria ininteligível e eu amo-os por isso e porque estou distante dos lúcidos e indiferentes!
Calo cada vez mais. As palavras tornaram-se tão ilustres que me rendo deslumbrada por quem as diz com mestria e as exibe claras e irrefutáveis sem qualquer tentativa missionária.
Amo o mar... Esse mar terapeuta, calmo marmoreado, rebelde e exaltado, indiferente á minha existência. Esse mar refúgio de todos os náufragos, que me recebe pasmada e incauta e me restitui, já purificados, todos os fragmentos do que lhe confesso.

 

Sou senhora do meu verso, do meu reverso e de todo o contra senso!



« Voltar
Criação e desenvolvimento de web sites

Envio de Mensagens SMS

Cofomark Bases de Dados